Batedeira Bosch CleverMixx
-

Batedeira com ou sem taça? Para fazer bolos e muito mais

Batedeira Bosch CleverMixx

Amassar, misturar, bater, picar. Preparar bolos e outras sobremesas (já para não falar de outros preparos) torna-se imensamente mais fácil se tiver uma batedeira. Mas como escolher entre uma batedeira com taça ou uma manual?

Os eletrodomésticos fazem toda a diferença na preparação de alimentos. Poderá mesmo ser o que faz a diferença entre uma confeção bem sucedida e uma de medíocre qualidade. Dito isto, se está a ponderar adquirir um equipamento, o que pretende fazer e a frequência com que o faz poderá influenciar a decisão de compra.

No caso particular de bolos e outras confeções do mesmo género, uma batedeira é essencial para misturar devidamente os ingredientes, bater ovos ou natas em castelo, entre outras tarefas.

Assim sendo, irá deparar-se com duas opções: adquirir com ou sem taça. Há uma diferença considerável entre as duas? Qual será a mais indicada para si? Vejamos as vantagens e desvantagens de cada uma e ainda uma alternativa: o robot de cozinha.

 

Batedeira com taça

Para simplificar, é possível afirmar que as batedeiras com taça tornam tudo mais fácil. Se sente que as suas artes culinárias podem estar a evoluir do amadorismo para o já algo entendido na matéria, este eletrodoméstico pode revelar-se muito útil.

Para amassar, bater ou misturar devidamente os ingredientes esta é a melhor ferramenta. As possibilidades são inúmeras. A primeira vantagem das batedeiras com taça é que possibilitam o multitasking: pode inserir os ingredientes e deixar o equipamento a trabalhar sozinho enquanto se ocupa de outra etapa da receita, uma vez que não tem de segurar nem na batedeira, nem na taça.

Tenciona fazer biscoitos ou bolachas? Esse tipo de massa em particular é um pouco mais dura. Estes aparelhos têm, regra geral, motores mais poderosos do que as batedeiras manuais, o que é muito conveniente para essa circunstância.

Quer bater massa para um bolo grande? Estas batedeiras podem ter taças grandes com mais de 6 litros de capacidade. Com varas flexíveis e resguardos de salpicos não terá dificuldade em manter a banca da cozinha limpa.

Por fim, há que referir que estes equipamentos têm recursos como início lento, paragem automática e outras configurações que oferecem maior controlo sobre a confeção.​

A taça está devidamente incorporada na estrutura sólida do equipamento, de forma a aguentar os movimentos das varas da batedeira, mas também pode retirar a taça do local para a lavar – confirme se pode colocar na máquina de lavar louça, mas em princípio sim.

Dependendo do modelo que adquirir, a sua batedeira poderá incluir varas em balão (mais indicadas para bater ovos ou fazer chantilly, uma vez que adicionam ar na mistura), uma vara única mais larga (ótima para misturas volumosas, fazer coberturas ou cremes de manteiga, por exemplo) e até uma espécie de gancho (o qual facilita a panificação).​​

 

Batedeira sem taça

Resumidamente, as batedeiras sem taça ou de mão são ideais para quem gosta de fazer bolos ocasionalmente e apostar em receitas simples. Apenas faz um bolo a cada dois meses e precisa de algo só mesmo para bater os ovos ou fazer chantilly? Estas batedeiras são indicadas para esse tipo de tarefas mais simples.

Mais pequenas, menos potentes (o que pode ser problemático com massa para biscoito, por exemplo) e sem a versatilidade de uma batedeira​ com taça, as batedeiras manuais são uma alternativa um pouco mais económica mas para isso sacrifica os recursos.

Para a usar tem de fazer todo o esforço com o seu próprio braço e, ao contrário daquelas que incluem taça, não pode deixar o equipamento a fazer o trabalho sozinho enquanto faz outra coisa qualquer.

Com um destes eletrodomésticos também estará a economizar espaço, uma vez que não incluem o recipiente,​ e são portáteis.

 

Robot de cozinha (a alternativa)​​

Em alternativa a qualquer batedeira, pode optar por um robot de cozinha, uma ferramenta completa de preparação de alimentos que pode ser usada para várias tarefas. ​

Cortar, ralar ou misturar: todas estas ações são simples e rápidas com este eletrodoméstico. O recipiente fica por cima de um motor e há lâminas giratórias no fundo desse recipiente, as quais podem ser substituídas por outro tipo de instrumento, dependendo do que tenciona preparar.

Com um robot de cozinha pode fazer o que a batedeira não permite, como picar cebola, ervas e nozes, fatiar cenouras ou pepinos ao seu gosto, ralar cenoura, queijo, gengibre fresco e chocolate, misturar ingredientes para fazer recheio, pastas de curry e pesto, misturar a massa de bolo e até bater ovos ou amassar a massa para pão caseiro, dependendo do modelo que tiver e do tipo de lâminas e outros acessórios que este incluir.

Dito isto, os robots não foram concebidos especificamente para tarefas relacionadas com bolos. São ​uma ferramenta completa de preparação de alimentos que também conseguem cumprir determinadas funções relacionadas com pastelaria. Se é nos bolos que está o seu foco, uma batedeira poderá ser mais indicada para o seu caso.​​

[sc name=”assina”]​